MORADIA MARINHA

ANADIA    1998-2002     SR. CELESTIANO MARINHA

press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom

A concepção axial desta moradia, e dos seus jardins, encontra a sua génese na inacabada Villa Madama em Roma (1517, Maneirismo), de Raphael Sanzio. A forma como o pátio, incompleto, acabou por abraçar o jardim, foi amplamente desenvolvida no Barroco Tardio. Exemplos disso são os Palácios de Stupinigi e Karlsruhe. Este tema é retomado na obra de Norman Shaw em Chesters, de 1894, e de Edwin Lutyens, Papillon Hall de 1903. É todavia na obra de Wright, no Solar Hemicycle

(Herbert Jacobs House) em Middleton, Wisconsin, de 1943-48, que encontramos este movimento tipológico e conceptual desenvolvido sob a égide da filosofia organicista. Os esquissos e as plantas permitem compreender a complexa diversidade de vistas tão diferentes que aparecem nas fotografias. A sua forma em planta é declaradamente zoomórfica, analogia de um ser alado, inspirado numa borboleta.